Monday, March 29, 2010

Brasile - Música Indígena


Brasile - Música Indígena - Vários povos: Guarani, Asurini, Waiampi, Nambikwara, Canela, Gavião-Parkatejê, Bororo e Zuruahalocal - Blonord (Itália) - LP - 19??

01. Reza de Kambá Puku (Guarani); 02. Pajelança (Asurini); 03. Dança do Tucano (Waiampi); 04. Canto do Milho (Waiampi); 05. Buzina de Embaúba (Waiampi); 06. Flauta (Waiampi); 07. Festa da moça (Nambikwara); 08. Festa da moça (Nambikwara); 09. Flautas Wasusu (Nambikwara); 10. Flautas Sararé (Nambikwara); 11. Ritual da tora pequena (Canela); 12. Cantos noturnos (Canela); 13. Solos masculinos (Parkatejê); 14. Cantos depois da tora (Parkatejê); 15. Canto com chocalho (Parkatejê); 16. Cantos de mulheres (Parkatejê); 17. Canto Aije Paru (Bororo); 18. O Zunidor (Bororo); 19. Canto Aroe Enogwa'e (Bororo); 20. Canto Marido Paru (Bororo); 21. Solo feminino (Zuruaha);

Esse disco faz parte de uma coleção de música étnica chamada FOLKlore, organizada na Itália. As gravações foram registradas em épocas diferentes por diversas equipes que cederam o material. Um disco muito bom, que mostra a diversidade dos povos originais do Brasil, com seus cânticos carregados de mistérios. É possível sentir a força da mata, a ancestralidade expressa nas vozes e instrumentos de um tempo que não conseguimos mais entender em nossa memória.


Caminho de volta a um tempo de pureza de uma humanidade que ainda existe. Mas sem nenhum rastro na velha estrada...

Povo Asurini

Para ouvir a faixa 2, ritual de Pajelança dos Asurini, clique abaixo:



4 comments:

Yan Kaô (Obashanan) said...

Temos três problemas aqui: 1) um cara que vem fazer piadinha sem se identificar, portanto um indivíduo tão idiota que nem mereceria ser citado (embora saibamos quem ele é...). Mas colocamos seu comentário porque ele mesmo precisa saber disso. 2) evidentemente cita nosso acervo com verve e jactância tais que não posso pensar em outro sintoma senão a inveja e o despeito. 3)Não entendeu? Eu te explico: a Umbanda tem matrizes musicais, sabia? Sabia que uma delas vem dos povos indígenas? Claro que não... como você poderia saber disso, se sua cabeça de galinha entende apenas aquilo que você chama de macumba?Pois então pode se torcer igual seus frangos de encruza amigo, que não vou te dar mais atenção, ok? Um Saravá bem profundo!!

Anonymous said...

hello my beautiful world
hello everyone on this place!
i am Kate

Estudos de Imagens said...

Olá boa tarde!!!

É possivel baixar este disco aqui pelo blog? Ou por algum outro lugar?

Obrigado

Yan Kaô (Obashanan) said...

Oi Estudos, tudo bom? Por favor, nos escreva em ayom77@gmail.com